csctv
banner vidracaria ametista1

4ª fase da Operação Carne Fraca cumpre 68 mandados de busca e apreensão em nove estados

Nova etapa foi deflagrada na manh√£ desta ter√ßa-feira (1¬ļ)

Por Por José Vianna, Thais Kaniak e Patrícia Marques, RPC Curitiba, G1 PR e TV Globo em 01/10/2019 às 08:26:18
Foto: Divulgação/Polícia Federal

Foto: Divulgação/Polícia Federal

Nova etapa foi deflagrada na manh√£ desta ter√ßa-feira (1¬ļ). Cerca de R$ 19 milh√Ķes foram destinados a pagamentos indevidos, conforme a PF.

Sessenta e oito mandados de busca e apreens√£o s√£o cumpridos, na manh√£ desta ter√ßa-feira (1¬ļ), na deflagra√ß√£o da 4¬™ fase da Opera√ß√£o Carne Fraca em nove estados do pa√≠s.

De acordo com a Polícia Federal (PF), esta nova etapa da Carne Fraca apura crimes de corrupção passiva praticados por auditores fiscais agropecuários federais em diversos estados. O G1 apurou que as irregularidades eram realizadas para beneficiar a BRF.

A BRF passou a atuar em colabora√ß√£o espont√Ęnea com as autoridades p√ļblicas na investiga√ß√£o e, segundo a PF, apontou 60 auditores fiscais agropecu√°rios como favorecidos com as vantagens indevidas.

R$ 19 milh√Ķes para pagamentos indevidos

Aproximadamente R$ 19 milh√Ķes foram destinados a pagamentos indevidos, conforme a PF. Os valores eram pagos em espécie, por meio do custeio de planos de sa√ļde e por contratos fict√≠cios firmados com pessoas jur√≠dicas que representavam o interesse dos fiscais.

De acordo com a PF, as pr√°ticas ilegais ocorreram até 2017. Elas pararam depois de uma reestrutura√ß√£o internada realizada no grupo, como informou a PF.

H√° buscas na Uni√£o Av√≠cola, no Mato Grosso, que era usada pela BRF para repassar propina para fiscais agropecu√°rios federais, segundo uma fonte da PF. A BRF colaborou com as investiga√ß√Ķes.

  • Paran√°
  • S√£o Paulo
  • Santa Catarina
  • Goi√°s
  • Mato Grosso
  • Par√°
  • Rio Grande do Sul
  • Minas Gerais
  • Rio de Janeiro

'Romanos'

Cerca de 280 policiais estão nas ruas para cumprir os mandados expedidos pela 1ª Vara Federal de Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná.

A 4ª fase da operação foi batizada de "Romanos", em referência a passagens bíblicas do livro de Romanos que abordam temas como confissão e justiça.

Fonte: G1 PR

Banner face

Coment√°rios

banner vidracaria ametista2